Dunkirk – Um obra de arte sem alma

Ação Drama Filmes Reviews Slide
6

Razoável

Dunkirk (2017)
Direção: Christopher Nolan
Roteiro: Christopher Nolan
Elenco: Fionn Whitehead, Tom Hardy, Kenneth Branagh, Mark Rylance, James D’Arcy

Image result for Dunkirk

Christopher Nolan é um excelente diretor. Em termos técnicos, poucos diretores conseguem se aproximar do ótimo trabalho de compor uma cena que o Nolan faz em qualquer projeto dele. Porém, ele sempre teve problemas em fazer personagens, dependendo muito mais de seus atores transformarem seus roteiros em algo além das palavras escritas ali. E essas duas facetas do diretor se tornam evidentes em Dunkirk.

A história é uma recriação da evacuação da cidade de Dunkirk durante a Segunda Guerra Mundial. Forçados a fugir de volta para a Inglaterra a história se divide entre quatro grupos: Dois soldados tentando fugir da cidade e seus comandantes coordenando a evacuação, onde a história se passa durante uma semana; um barco civil saindo da Inglaterra para resgatar os soldados , que se passa durante um dia; e o piloto de um Spitfire tentando defender os soldados evacuando, que se passa durante 1 hora.

Image result for Dunkirk

Primeiro vamos falar dos aspectos técnicos. A fotografia está impecável. O uso de câmeras IMAX (formato o qual o filme foi exibido para este critico) mostra uma riqueza de detalhes do diretor, sempre colocando a ação, sets e cenas de dialogo no melhor ângulo possível. Outro aspecto primoroso de Dunkirk são os seus efeitos sonoros. Poucos filmes tem o impacto que um tiro tem nessa história. Cada bala, bomba e explosão impactam o espectador do início ao fim, sempre deixando uma impressão. Um aspecto que vai depender de cada um é a trilha sonora. Enquanto ela se encaixa bem na trama, transmitindo o drama que cada cena exige, nenhuma trilha se torna marcante ou memorável como outras trilhas de Hans Zimmer tendem a ser.

Se há algo que merece ser destacado em termos de efeitos visuais, são as cenas de batalha aérea. Poucas produções têm cenas de batalha aérea iguais a desse filme, a ponto de não conseguir saber como elas foram feitas pois são muito realistas!

Image result for Dunkirk

Um aspecto que pode comprometer ou não para o espectador é a falta de sangue do filme. Para um filme de guerra, como a quantidade de pessoas que morreram é grande, pouquíssimo sangue jorrou na tela. Para este critico, não fez falta pois a tragédia humana na tela era suficiente para demonstrar o terror da guerra, mas pode ser algo que incomode outras pessoas.

O grande problema de Dunkirk é a sua narrativa, ou melhor, suas narrativas. O fato de cada cena se passar em tempos diferentes do filme, torna-o extremamente confuso no inicio, somente se encaixando perto do final. O mesmo vale para as três histórias o que também diminui o quanto poderia se explorar os personagens, fazendo com que o filme se torne um espetáculo sem alma. Se Nolan tivesse focado em uma dessas histórias e deixado os atores crescerem dentro do papel, talvez a falta de conexão do público com os personagens se resolvesse. É uma pena pois o elenco é estrelado e com atores que poderiam ter feito muito mais.

Image result for Dunkirk

No fim Dunkirk sente a falta de um roteiro melhor pros seus personagens. O drama humano do fato histórico pode ser suficiente para manter o publico interessado, mas dificilmente o espectador ficará grudado ao filme. Dito isso, se quiser ver um dos filmes mais bonitos do ano, com as cenas de batalhas aéreas mais incríveis dos últimos anos, Dunkirk tem algo pra te oferecer.

Good

  • Fotografia incrível
  • Batalhas aéreas espetaculares
  • Sonoplastia exemplar
  • Drama humano

Bad

  • Falta personagens cativantes
  • A trilha sonora não é memorável
  • Falta de sangue em um filme de guerra pode ser problemático para alguns.

Summary

Dunkirk em termos técnicos é perfeito. O problema está na sua tentativa de conectar o espectador aos personagens, seja pelo roteiro ou pela falta de uma trilha memorável.
6

Razoável

Lost Password