Big Little Lies | Minissérie da HBO é viciante, dramática e bem feminista

Reviews Séries Séries de TV Slide
9

Excelente

A vida doméstica de mulheres ricas e um misterioso assassinato que as conecta.

Em tempos de empoderamento feminino, marcha à favor dos direitos das mulheres e casos de agressão e assédio vindo à tona a todo momento, Big Little Lies agiu como um alarme relógio que estava somente a espera para ser lançado na hora certa e com a produção de alto nível da HBO.

Três mulheres. Três histórias diferentes que se cruzam em um final chocante e denso. Big Little Lies tem um pacote completo de direção, atuações espetaculares e uma parte técnica com trilha sonora e fotografia de se admirar.

A série conta a história de três mães que se conhecem quando seus filhos passam a estudar juntos no jardim de infância. Até então, elas levam vidas aparentemente perfeitas, ricas e despreocupadas, mas as máscaras começam a cair quando uma das crianças sofre bullying e acusa o filho de uma das mães de ser o autor. Os acontecimentos que se desenrolam a partir daí não cabem nesse pequeno enredo e nos levam a extremos como agressão, assassinato e subversão.

Se fosse pra olhar de forma preconceituosa e à primeira vista eu diria que Big Little Lies se parece com Desperate Housewives misturada com uma novela das 9 da rede Globo. Mas depois de começar a assistir a série, essas comparações caem por terra e você se entrega por completo no mistério de um assassinato envolvendo as mães onde você não irá parar de ver até descobrir quem é a vítima.

A história é mostrada de acordo com fatos contados em declarações dos moradores da cidade para a polícia. Aí então você começa a colocar as primeiras peças do quebra cabeça. O final é surpreende, só adianto isso.

Nicole Kidman e Reese Witherspoon esbanjam talento e não me espantaria se uma delas for indicada a melhor atriz em premiações que virão. Alexander Skarsgård faz o marido agressivo de Kidman e está de botar medo em qualquer um. Já Shailene Woodley faz a terceira mãe, mas essa não me conquistou e nem me chamou atenção.

Big Little Lies possui um conjunto de fatores funcionando em uma ótima química e sem questionamentos. O roteiro é instigante e inteligente, a direção de Jean-Marc Vallée é muito boa e até a abertura é uma daquelas que você não quer nem pular pra não perder a música tema.
Só de se ter a sensação de “quero mais” no final do último episódio já é um sinal positivo de que vale muito a pena despender um tempo para esse show dramático com tons de humor e doses altas de mistério e lição de vida.

9

Excelente

Lost Password